Investimento Imobiliário e Plataformas de Crowdfunding

0
332

Na procura por diversificação dos seus investimentos e tendo em conta as características do mercado imobiliário, poderá ter interesse em conhecer diferentes plataformas de investimento em imobiliário. Neste artigo falamos-lhe de algumas plataformas de crowdfunding especializadas neste tipo de investimentos.

Antes de mais… quais as vantagens do investimento imobiliário?

O investimento imobiliário traz consigo algumas vantagens de investimento, como sendo de destacar:

  • Rendimentos periódicos, com taxas de retorno que poderão ser bastante interessantes;
  • Nível de risco, tanto pelo tema da garantia (os imóveis são hipotecados e servem de garantia ao empréstimo) como pelo facto da habitação ser um bem de primeira necessidade (no caso do investimento em imóveis para habitação);
  • Diversificação;
  • Relação entre o preço dos imóveis e a inflação.

É certo que investir em imóveis não é isento de risco e muito menos é algo garantido. Poderá também estar a investir em imóveis com preços inflacionados (como por exemplo o que se passa atualmente com as principais cidades de Portugal).

Crowdestate – Retornos superiores a 15%

Esta plataforma é baseada na Estónia ir permite o investimento colaborativo em imobiliário, com projetos maioritariamente nos Bálticos. A plataforma foi lançada em 2014 e diz-nos que tem atualmente mais de 29.000 investidores registados e que já financiou perto de 60 milhões de euros em 144 projetos, com taxas médias na casa dos 19%.

O processo de registo é simples e a informação que é disponibilizada aos investidores é bastante completa, abordando a localização, uma análise SWOT, informações do promotor, um rating da empresa e outras informações bastante úteis.

EstateGuru – Retornos médios de 12%

Esta plataforma permite o acesso dos investidores a investimentos imobiliários na Estónia, Lituania, Finlândia, Letónia e outros. Foi também criada em 2014 e desde essa altura já permitiu o investimento em mais de 650 projetos e para um total de mais de €100 milhões. É interessante ter em mente que o rácio de financiamento / garantia é perto de 60%, pelo que existe uma margem de segurança relevante, o que é refletido numa taxa de retorno ligeiramente mais baixa, mas mesmo assim ainda bastante apelativa.

BulkEstate – Retornos médios entre 12% e 15%

A Bulkestate é uma plataforma de investimento imobiliário que permite a compra para investimento ou compra direta de imóveis (individual ou em grupo) para arrendamento ou mesmo para viver nos imóveis. Diz-nos a plataforma que já permitiu perto de 5.700 investimentos, com uma relação empréstimo / garantia de 52% e uma taxa média de 14.3%. Os investimentos são também realizados na Letónia e restantes países Bálticos. De notar que não tem garantia de capital, pelo que o que serve de garantia é o imóvel, à semelhança do que acontece com as restantes plataformas que referimos neste artigo.

CrowdEstor – Retornos potenciais superiores a 14%-16%

Esta plataforma permite o investimento quer em imobiliário quer em projetos empresariais. Das plataformas que aqui refiro é a única onde eu já investi e mesmo assim ainda só investi €100 para experimentar. Tenho um investimento num projeto empresarial com uma taxa de 17% e que tem pago um rendimento regular todos os meses. Talvez esteja na altura de aumentar o meu envolvimento. Pela negativa, destaco o reduzido número de projetos ativos para investimento, facto que poderá justificar ter menos investidores do que as restantes plataformas.

Em breve irei abrir conta nas plataformas acima identificadas e irei mostrando a minha experiência com os investimentos, que pelo que tenho pesquisado noutros investidores deverá ser uma experiência positiva. Talvez se já tem experiência nalguma destas plataformas ou se abrir uma conta numa delas, porque não partilhar connosco a sua experiência.

Avalie este artigo
COMPARTILHAR
Artigo anteriorCalculadora salário líquido 2019
Próximo artigoA gestão da mesada
João Morais Barbosa
Iniciou a sua carreira no setor financeiro onde desempenhou funções de analista de ações e gestor de fundos de investimento. Especialização em mercados e ativos financeiros no ISCTE e uma pós-graduação em Análise Financeira no ISEG, curso que lhe conferiu o Certificado Europeu de Analista Financeiro. Fundou a Escola de Finanças Pessoais – sendo co-autor de seis livros nesta temática (Manual das Finanças Pessoais, Manual da Poupança, Como Acabar com as Dívidas Pessoais e Familiares, O meu primeiro livro de Finanças Pessoais e Como ensinar o meu filho a poupar, Viva uma Reforma Feliz). Através da Escola de Finanças Pessoais já formou mais de 5.000 colaboradores de empresas nacionais e internacionais. Tendo sido Diretor-Comercial na DignusCapital, decide criar o seu projeto próprio na área da renegociação e intermediação de crédito, fundando a Reorganiza, empresa onde trabalha atualmente.

DEIXE UMA RESPOSTA