Quais as causas do endividamento – Participe neste estudo?

0
406
Economia Comportamental

Temos publicado vários artigos na Reorganiza neste campo vasto das finanças pessoais. Escrevemos sobre poupança, investimento, crédito e outros assuntos que consideramos relevantes na vida de todas as pessoas.

Estudo de Economia Comportamental

Neste artigo damos-lhe a conhecer um estudo inovador que a Universidade Europeia está a desenvolver na área da economia comportamental. Na prática, procura perceber quais as causas e as características de cada comportamento no contexto da dívida.

Porque é este estudo importante?

O estudo, desenvolvido pelo Professor Doutor Marc Scholten (um dos grandes especialistas mundiais nesta área) e pelo seu aluno Diogo Ribeiro dos Santos (professor na Escola de Direção e Negócios AESE) visa perceber quais as causas e as características de cada tipo de comportamento de dívida.

Numa altura em que se assiste em Portugal a um crescimento elevado do nível de endividamento das famílias é urgente perceber porque é que as pessoas se endividam. Pretende-se compreender melhor o comportamento humano para ajudar cada vez mais pessoas a lidar melhor com esta ferramenta.

Como pode ajudar?

Este estudo envolve o preenchimento de um pequeno questionário de escolha múltipla. As perguntas são simples e existe um pequeno quizz que visa conhecer também os seus conhecimentos na área financeira.

Um prémio de €200 pode estar à sua espera!

Para além da satisfação de saber que está a ajudar um projeto de investigação inovador pode habilitar-se a ganhar um de dois vouchers de €200. Pode optar por receber este valor em dinheiro ou num vale da Agência Abreu.

Responder ao Questionário

Avalie este artigo
COMPARTILHAR
Artigo anteriorEconomia Comportamental – Reorganiza associa-se à Universidade Europeia
Próximo artigoPorque não invisto em arrendamento de curta duração?
João Morais Barbosa
Iniciou a sua carreira no setor financeiro onde desempenhou funções de analista de ações e gestor de fundos de investimento. Especialização em mercados e ativos financeiros no ISCTE e uma pós-graduação em Análise Financeira no ISEG, curso que lhe conferiu o Certificado Europeu de Analista Financeiro. Fundou a Escola de Finanças Pessoais – sendo co-autor de seis livros nesta temática (Manual das Finanças Pessoais, Manual da Poupança, Como Acabar com as Dívidas Pessoais e Familiares, O meu primeiro livro de Finanças Pessoais e Como ensinar o meu filho a poupar, Viva uma Reforma Feliz). Através da Escola de Finanças Pessoais já formou mais de 5.000 colaboradores de empresas nacionais e internacionais. Tendo sido Diretor-Comercial na DignusCapital, decide criar o seu projeto próprio na área da renegociação e intermediação de crédito, fundando a Reorganiza, empresa onde trabalha atualmente.

DEIXE UMA RESPOSTA