SIMULE AQUI SEM COMPROMISSO O SEU CRÉDITO HABITAÇÃO

SIMULE AQUI SEM COMPROMISSO O SEU CRÉDITO HABITAÇÃO

Como cancelar uma transferência em caso de engano

Finanças Pessoais Literacia Financeira Sem categoria

Como cancelar uma transferência em caso de engano

5 min Partilhar 12 de Julho, 2022

Search
Generic filters
Exact matches only
Cancelar transferência por engano

Cancelar uma transferência porque se enganou no destinatário, no montante ou em a fez duplicado nem sempre é fácil. O que não quer dizer que tenha perdido o seu dinheiro.

Ao fazer uma transferência, apesar de existirem alguns sistemas de segurança para a verificação da transferência, o certo é que erros acontecem. A possibilidade de cancelar a transferência depende se o dinheiro já chegou ou não ao seu destinatário. Ou seja depende não só do tempo que demora a aperceber-se do erro, mas também do tipo de transferência que fez. Isto porque se o dinheiro já chegou ao destinatário resta-lhe pedir a devolução do seu dinheiro, e aí depende da boa-fé de quem o recebeu.

Como garantir que está a transferir para o destinatário certo?

Se fizer a transferência através de uma caixa multibanco ao introduzir o NIB da conta aparecerá no ecrã o nome do destinatário. Aqui ficará terá a certeza para quem está a transferir o dinheiro. Mas claro poderá enganar-se no montante.

Mas esta segurança quanto ao nome do destinatário não existe nas transferências que fizer no seu homebanking, já que aqui terá de introduzir manualmente o nome não existindo validação quanto à titularidade do IBAN que introduzir. Ou seja, poderá colocar o nome certo e o IBAN de outra conta e será esta que receberá o montante que transferir.

Já nas transferências MBWay também não irá conseguir validar a quem está a enviar. Se inserir o número de telefone de outra pessoa será esta a receber o valor que transferiu.

Como garantir que está a transferir o montante certo?

Quanto ao montante, qualquer que seja o meio que utilize para transferir, não existe qualquer validação  automática. Cabe-lhe a si validar antes de confirmar que quer executar a transferência.

Para poder cancelar uma transferência porque é importante o tipo de transferência que fez?

É importante porque o tipo de transferência que fizer irá determinar o tempo que o medeia a sua instrução de e o recebimento do valor pelo seu destinatário.

Dizem que tempo é dinheiro e neste caso não há verdade maior. Transferências mais rápidas podem ser mais caras e diminuem a possibilidade de poder cancelar a transferência. Isto porque, como referimos, só poderá cancelar se o destinatário ainda não tiver recebido o dinheiro. Se já o tiver recebido apenas poderá pedir a sua devolução.

Se fizer a transferências ao balcão ou ao telefone

Este tipo de transferência caiu cada vez mais em desuso. Já são poucas as pessoas que a fazem até porque têm custos. Se a transferência for para uma conta num outro banco, embora veja o dinheiro a sair da sua conta, ele não sai de imediato para a conta de outro banco. Assim, se der logo pelo erro pode pedir ao banco o seu cancelamento e o dinheiro retornará para a sua conta de imediato.

No caso de a transferência ser para uma conta do seu banco, a entrada na outra conta será imediata, pelo que o cancelamento pode não ser aceite pelo banco, a menos que seja no mesmo instante.

Se fizer uma transferência normal no seu homebanking

Este é o meio mais usado para fazer transferências até porque é mais barato, ou nalguns bancos continua a ser gratuito.

A regra é a mesma, se vir logo pelo erro contacte de imediato o seu banco. Se a conta de destino for noutro banco o dinheiro ainda pode não ter saído do banco e a transferência pode ser cancelada. Caso deixe passar algum tempo ou a conta for no mesmo banco terá de pedir a devolução do dinheiro alegando o erro.

Se fizer uma transferência imediata no seu homebanking

O intuito das transferências imediatas é que fazer chegar no segundo seguinte o dinheiro à conta do destinatário e por isso são mais caras.

A má noticia é que em caso de erro, o dinheiro já está em segundos na conta do destinatário e por isso não poderá pedir o seu cancelamento. Apenas poderá pedir a sua devolução.

Se fizer a transferência no Multibanco

Estas transferências são gratuitas e o dinheiro só chegará no dia seguinte à conta do destinatário.

Assim, os procedimentos são idênticos aos que teria de realizar se tivesse feito uma transferência bancária. Ou seja, tem de contactar o seu banco e tudo depende se o dinheiro já chegou ou não ao seu destinatário.

Se fizer uma transferência MBWay

Nestas transferência MBWay existem outros fatores que podem ajudar a que possa cancelar a transferência.

Primeiro, o destinatário terá de ter aplicação instalada. Caso não tenha, o destinatário receberá um sms avisando-o da transferência e terá 48 horas para instalar a aplicação e receber o dinheiro. Enquanto não instalar a aplicação a transferência estará pendente, pelo que a todo o momento a poderá cancelar.

Mas mesmo tendo a aplicação, a transferência ficará pendente até o destinatário a aceitar e por um prazo máximo de 2 horas. O que significa que até esta a aceitar a poderá cancelar.

Mas ao ser aceite a transferência a solução será mesmo contactar o seu banco e pedir a devolução do dinheiro.

Como cancelar uma transferência internacional

No caso de ser feito uma transferência internacional as regras são as mesmas. Se ainda não tiver sido creditada na conta de destino pode cancelar, caso contrário terá de pedir a devolução.

No caso de ser uma transferência um país da zona Euro, ou seja, for uma transferência SEPA, tudo funciona como sendo uma transferência para um banco português em termos de tempo para que o dinheiro chegar à conta do destinatário.

Mas se for para um país fora da zona Euro o dinheiro será disponibilizado até ao terceiro dia útil após ter dado a ordem de transferência, pelo que tem mais uns dias para cancelar a mesma.

Cancelar uma transferência tem custos

O cancelamento de uma transferência obriga a uma intervenção por parte dos serviços do banco, pelo que se irá cobrar por isso. Para saber quanto lhe vai custar cancelar a transferência, consulte o precário do seu banco.

Se o dinheiro já chegou à conta do destinatário terá de pedir a devolução do dinheiro

Mas se o dinheiro já chegou à conta de destino a situação pode complicar-se, porque o valor não pode ser retirado da conta onde foi depositado, sem autorização do titular da conta. Já não se trata de cancelar a transferência, mas pedir a devolução do dinheiro. E por isso pode ser mais demorado, e claro também lhe irão cobrar comissões.

Como se processa o pedido de devolução

Se a conta onde foi creditado o dinheiro for no seu banco, este terá de contactar diretamente o titular da conta e pedir autorização para que lhe ser devolvido o seu dinheiro. Mas se a conta for noutro banco, o seu banco contactará o banco de destino que por sua vez contactará o seu cliente pedindo autorização para a devolução dos fundos.

Isto porque os bancos não estão autorizados a mexer nas contas dos clientes sem autorização do respetivo titular mesmo que há prova de erro de destinatário ou de valor.

Se este recusar apenas lhe restará recorrer aos tribunais para reaver o seu dinheiro. Irá ter mais custos, mas deverá recuperar o seu dinheiro já que quem o recebeu terá de justificar porque o recebeu.



Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Em que podemos ajudar?

Outro