Tipos de Fundos Imobiliários

Continuando a nossa série de artigos sobre Fundos Imobiliários, recordamos que um fundo imobiliário é um produto de investimento colectivo onde os investidores (participantes) investem numa carteira constituída maioritariamente por imóveis.

É um tipo de investimento que oferece risco para o investidor, embora existam fundos imobiliários com risco moderado e com interessantes rentabilidades históricas.

Para conhecer melhor os fundos imobiliários convêm saber quais os tipos de fundos imobiliários existem e quais as diferenças entre eles.

Taxas Máximas

Tipos de Fundos Imobiliários

Existem fundos imobiliários onde existe variabilidade de capital, ou seja, o capital da carteira é variável de acordo com a procura de mercado e ainda fundos imobiliários que diferem quanto à forma de remuneração dos participantes.

Variabilidade do capital

  • Fundos Abertos – As unidades de participação deste tipo de fundos imobiliários são variáveis em função da procura do mercado. Sempre que um novo investidor entra no capital do fundo este varia positivamente, sempre que um investidor decide resgatar ou sair do capital do fundo ele varia negativamente;
  • Fundos Fechados – As unidades de participação existentes são fixas e pré-estabelecidas até ao momento de emissão. Poderão existir subscrições (entradas) ou resgates (saídas) desde que estejam pré-estabelecidas no regulamento de gestão as condições dessa possibilidade.
  • Fundos Mistos – Constituído por capital variável e fixo, ou seja, existem unidades de participação com características semelhantes aos fundos abertos e unidades de participação com características do fundos fechados.

Remuneração

  • Fundos de Rendimento – Efetua a distribuição de rendimentos periódicos aos investidores;
  • Fundos de Capitalização ou Acumulação – Reinvestem automaticamente os rendimentos gerados.

Até já…



Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Em que podemos ajudar?

Outro