Crédito Habitação | Dicas para o Futuro

Crédito

Crédito Habitação | Dicas para o Futuro

2 min Partilhar 9 de Maio, 2011

Search
Generic filters
Exact matches only
Filter by Custom Post Type
crédito habitação

Nos últimos anos assistimos a uma contração da concessão de crédito. Felizmente, os tempos são outros e o crédito habitação está de volta. Apesar da contração do passado, várias pessoas tiveram a possibilidade de comprar casa com recurso a crédito. Infelizmente, o spread do crédito habitação rondava os 4%-5% (se não mais) o que acabou por penalizar as famílias com prestações excessivas.

Estes tempos acabaram. Pelo menos tudo o indica. Deste modo, entramos agora numa época de renegociação de contratos de crédito antigos pois é hoje possível contrair crédito habitação com spreads abaixo de 2%. Adicionalmente, as taxas EURIBOR encontram-se a níveis muito próximo de zero, o que acaba por trazer algum conforto financeiro às famílias com crédito habitação.

Prepare-se para o Futuro

A primeira ideia que queremos deixar prende-se com a necessidade de se preparar para o futuro. Se tem crédito habitação com spread abaixo de 1% deverá manter todas as condições contratuais do seu crédito e libertar alguma liquidez para depositar em contas poupança. Acumule algum património e procure acabar com dívidas com taxas de juro acima de 6%-7%. Talvez faça sentido renegociar o seu seguro de vida pois é possível ter poupanças próximas de 50%!

Se tem crédito habitação com taxas acima de 3%-4% deverá preparar-se para submeter um pedido de aprovação de um novo crédito. Ultimamente, a Reorganiza tem conseguido spreads bem abaixo de 1.5% para os clientes que procuram crédito habitação novo ou mesmo crédito de outra instituição financeira (por vezes, conseguem mesmo consolidar outros créditos e assim baixar as suas diversas prestações).

Assim sendo, é certo que o futuro nos reserva aumentos consecutivos que irão influenciar diretamente o esforço financeiro das famílias no cumprimentos dos seus créditos.

Simule a Subida das Taxas de Juro na sua Prestação de Crédito Habitação

Em breve deveremos começar a sentir a subida das taxas EURIBOR. Não é para já mas convém perceber qual o impacto da subida da EURIBOR nas suas prestações. Se conseguir rever o seu spread poderá sentir alguma folga financeira que compensará a subida da EURIBOR. Se não conseguir hoje com probabilidade elevada conseguirá muito em breve. O fundamental é estar preparado para a subida das taxas de juro.

Aproveite as Taxas de Juro Mais Baixas

Enquanto as taxas de juro de mercado não sobem sugerimos que aproveite o nível baixos das taxas de juro para poupar dinheiro, para amortizar créditos mais caros, para organizar as suas finanças pessoais e para se precaver quanto ao futuro. Em breve sentiremos também alguma redução dos impostos o que acabará por trazer algum ânimo e otimismo. Não sendo motivo para euforias é motivo para ganhar uma nova motivação.

Por Que Não Consolidar Outros Créditos?

Se a banca está mais aberta a conceder crédito habitação, por que não avaliar o potencial da consolidação de créditos pessoais ou cartões de crédito no seu crédito habitação? Poderá baixar a taxa de juro média de todos os créditos e conseguir aqui uma poupança adicional no seu orçamento familiar. Para testar a sua poupança, sugerimos que utilize o simulador de crédito consolidado da Reorganiza. Tenha em conta que se consolidar com o crédito habitação a taxa média que conseguirá com o nosso simulador será maior do que é na realidade. Ou seja, irá poupar sempre mais do que o valor que lhe é apresentado!

Reorganiza, As Suas Finanças Em Boas Mãos



Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Olá, sou o João, em que posso ajudar?

Outros