Por que Investimos?

Investir

Por que Investimos?

2 min Partilhar 16 de Julho, 2014

Search
Generic filters
Exact matches only
Investir

Escrevo este artigo a pensar nos meus compatriotas portugueses e na sua relação com os investimentos. Queremos todos ter grandes níveis de retorno sem qualquer risco. Aliás, ao falar com algumas das pessoas a quem dou aconselhamento para o investimento todos me pedem retorno sem risco.

Não Existe Retorno Sem Risco Nos Investimentos

Para termos retorno temos de ter risco. E se tivermos risco temos de exigir retorno. Estas são duas máximas que NUNCA podemos esquecer:

  • Quem não arrisca, não petisca – Temos de pensar que a evolução da sociedade só aconteceu porque existiram pessoas que ousaram ir contra as ideias instituídas e que quiseram arriscas. Partir em direção ao desconhecido. Nos investimentos, isto é óbvio. Não sabemos o que vem amanhã mas confiamos no CAPITALISMO e no facto do dinheiro gerar dinheiro;
  • Se temos risco temos de exigir retorno – Custa-me um pouco olhar para os retornos que os bancos nos dão pelos nossos depósitos a prazo. É certo que os depósitos a prazo até 100.000€ estão sob a alçada do Fundo de Garantia de Depósitos, pelo que podemos dizer que não há risco. Mas não tendo risco podem ser comparados a outros produtos como os certificados de aforro que nos dão taxas muito mais interessantes. Qual a lógica?

Será que a Informação é Poder?

Penso também nas pessoas que estão constantemente a seguir as últimas notícias. Dizem que vivemos na sociedade da informação e que informação é poder. No entanto, perdemos demasiado tempo a olhar para as notícias e mais… lemos as notícias escritas por órgãos de comunicação com conflito de interesses. Temos de conhecer os factos (e não as interpretações, pois toda a gente tem a sua opinião). E temos de saber que a história é feita de altos e de baixos mas que, a prazo, as coisas tendem a melhorar.

Se olharmos para os últimos 100 anos, no que toca ao mundo dos investimentos, iremos constatar que passamos pela Grande Depressão, por crises petrolíferas, por Guerras Mundiais e Guerras Locais, por crises financeiras e económicas… e hoje somos muito mais ricos e gozamos de muito melhor qualidade de vida do que no passado.

Olhar para a Grande Fotografia!

Tudo isto para dizer que é certo que as preocupações de curto prazo são legítimas mas que devemos olhar para a “grande fotografia”. Procurar abstrair-nos do ruído do dia-a-dia e ter uma estratégia de investimento que esteja estruturada para podermos aproveitar a nossa vida. E pensar por que motivos investimos. Será para jogar? Será só para ganhar dinheiro? Será para procurar a liberdade financeira? Estas questões ficam para um segundo plano.

Perguntas a fazer

Se quer iniciar o seu caminho no mundo dos investimentos tem de se perguntar: para que quero investir? Quanto dinheiro quero ganhar? Tenho os conhecimentos necessários? Quais os meus objetivos de retorno?

Investir é um desafio muito aliciante. Envolve desafio. Envolve gerir riscos. Mas se seguir as nossas dicas e sugestões irá certamente começar a ganhar dinheiro de forma consistente e aprender em todo o processo. Nunca se esqueça, contudo, que precisa de ter um orçamento familiar controlado. E já agora, por que não ver as nossas 5 dicas fundamentais para as suas finanças pessoais e conhecer o que são certificados de aforro?

 



Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Em que podemos ajudar?

Outro